Procura pelo gado de reposição cresce com aumento de abates de fêmeas

May 9, 2019

 

A criação de gado no Brasil é bem especializada: tem criador que só lida com bezerro. Outros cuidam do animal jovem, o chamado boi magro. E tem quem faça a parte final da engorda, até o boi chegar ao ponto de abate.

 

Em Mato Grosso, o maior volume de abates de fêmeas dos últimos três anos tem feito crescer a procura pelo gado de reposição.

 

Segundo o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), em 2016, 1,8 milhão de cabeças foram para os frigoríficos. Em 2018, o abate de fêmeas saltou para 2,3 milhões.

 

Com menos matrizes no pasto, a oferta de bezerros também diminui. “Em 2018 nós fechamos com recorde de 10% dos animais abatidos. Mais de 10% foram novilhas, ou seja, animais que iriam repor as matrizes também estão sendo abatidos”, diz Faber Monteiro Carneiro, consultor de pecuária.

 

Em Barra do Bugres, o pecuarista Primo Menegalli, que trabalha somente com a terminação, precisa repor os animais na engorda. Nos últimos meses, ele pagou mais caro por isso.

 

“(Por um gado de) 18 meses, 20 meses o ano passado, eu pagava R$ 1.700 e, este ano, são R$ 2.000”, diz.

 

 

Fonte: Globo Rural

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Novas instalações da Coopersa foram inauguradas nessa segunda-feira (10)

December 12, 2018

1/1
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

A Cooperativa Agroindustrial Amambai – COOPERSA, fundada em 29 de junho de 1993, inscrita no CNPJ sob n. 70.363.650/0001-87, com inscrição estadual n. 28.289.944-8, esta localizada no município de Amambai na Estrada Municipal Amambai/Sertãozinho Km 01.

Contato

(67) 3481-2287

Av. Pedro Manvailler, 4632 - Vila Cristina, Amambai - MS

© 2018. Coopersa. Criado orgulhosamente por Eficienthis