Queda de temperatura deve atrapalhar colheita do milho

A repentina queda das temperaturas em todo o país neste início de mês deve desfavorecer a colheita do milho safrinha nos próximos dias. De acordo com boletim da consultoria AgRural, a condição climática atual “tende a dificultar a perda de umidade dos grãos, e isso pode resultar em colheita um pouco mais lenta que o desejado”. 

Segundo a empresa, a colheita da segunda safra de milho no Centro-Sul do Brasil avançou 12 pontos porcentuais na última semana e atingiu 44% na quinta-feira (4), ainda bem adiantada na comparação com igual período do ano passado, quando a média registrada foi de 16%. Mato Grosso é o Estado da região em que a colheita está mais avançada, com 60%. Ainda assim, a AgRural desta que não houve relatos de queda na qualidade da safrinha em nenhum Estado da região Centro-Sul. “Mesmo a frente fria do fim de semana, que causou geadas no Paraná, não resultou em perdas, uma vez que praticamente toda a área ainda por colher já atingiu a maturação fisiológica”, afirma a empresa em nota. A estimativa da AgRural para a produção de milho na safrinha deste ano é de 75,7 milhões de toneladas.


Posts Em Destaque