Carne bovina no varejo em ritmo de valorização pelo país.


Movimento de alta está atribuído à flexibilização da quarentena.

De acordo com a Scot Consultoria, a flexibilização da quarentena e a abertura parcial do comércio trouxe ânimo aos supermercados e açougues.

Embora a situação econômica ainda não tenha se reestabelecido, a reabertura de algumas lojas aumenta o fluxo de dinheiro, gerando aumento no consumo, inclusive de carne bovina.

Na última semana, na média dos cortes pesquisados pela Scot Consultoria, a carne bovina teve valorização de 0,50% em São Paulo, 0,09% no Paraná e 0,06% em Minas Gerais na comparação semanal. No Rio de Janeiro, o cenário foi de estabilidade.


Posts Em Destaque